Quem Somos

Oi. Somos um grupo de educadores e pesquisadores interessados em compreender como novas práticas, tecnologias e ambientes podem ajudar as pessoas a aprenderem melhor. Temos formações distintas e representamos universidades e centros de pesquisa no Brasil e no exterior, dentro da perspectiva de um novo campo de conhecimento -- as “Ciências da Aprendizagem”. Trazemos olhares diferentes e complementares aos fenômenos complexos da aprendizagem humana. Somadas, nossas experiências profissionais vão de laboratórios de ciências a escolas públicas marcadas pela violência, de secretarias de educação ao chão da escola, do livro-texto ao computador. E estamos abertos a conversar, trocar experiências e aprender

Paulo Blikstein

Paulo Blikstein é professor na Universidade de Columbia, pesquisando como as novas tecnologias podem transformar a aprendizagem da ciência, engenharia e matemática. Blikstein criou os primeiros FabLabs e Makerspaces educacionais do mundo, e foi pioneiro no campo da mineração de dados multimodais e de learning analytics. Ele também dirige o projeto FabLearn, que dissemina a educação maker em 22 países. Engenheiro pela Poli-USP, mestre pelo MIT Media Lab e doutor em Ciências da Aprendizagem pela Northwestern University, Blikstein recebeu o National Science Foundation Early Career Award e o AERA Jan Hawkins Early Career Award.

Fabio Campos

Fabio Campos é pesquisador e aluno de doutorado no programa de Educação, Comunicação e Tecnologia, no New York University. Trabalhou por mais de 20 anos como educador popular e diretor de programas educacionais, especializando-se em intervenções para jovens e adultos em situação de risco socioeconômico no Brasil. Sua pesquisa se concentra em novas aplicações da pedagogia crítica, em educação para a cidadania e no design de ferramentas de raciocínio analítico para educadores escolares. Fabio possui mestrado em educação pela Universidade de Stanford, especialização em empreendedorismo social pela Universidade de Georgetown, e MBA e bacharelado em Comunicação Social pela UFRJ.

Raquel Coelho

Raquel Coelho é aluna de doutorado no programa de Ciências da Aprendizagem e Design Tecnológico da Universidade de Stanford. Sua pesquisa busca entender como informação e conhecimento gerados a partir da análise computacional de dados textuais de larga escala podem melhorar o ensino e a aprendizagem de língua portuguesa e ciências na educação básica. Trabalhou por mais de 10 anos como professora de jovens e adultos no Brasil, Estados Unidos e República Tcheca. Raquel é licenciada em Língua Portuguesa e Literatura Brasileira pela Universidade Federal de Minas Gerais e mestre em Educação Internacional Comparada pela Universidade de Stanford.

Fernando Carnaúba

Fernando Carnaúba é aluno de doutorado no programa de Educação Matemática da Columbia University. Com base em sua experiência com formação de professores, seu interesse de pesquisas é centrado na aprendizagem equitativa de matemática e ciências. Fernando é bacharel e mestre em Economia pela Universidade de São Paulo. Durante o mestrado, foi aluno visitante na universidade de Stanford.

Lívia Macedo

Lívia Macedo é gerente de programas no Transformative Learning Technologies Lab (TLTL) no Teachers College-Universidade de Columbia. Seu interesse está na conexão entre pesquisas e o desenvolvimento de políticas públicas que consideram o papel das tecnologias digitais na aprendizagem e no desenvolvimento de cidadãos críticos. Trabalhou como consultora para o setor público no Brasil com foco no design e implementação de projetos em educação, inovação e tecnologia. Lívia possui um mestrado em Aprendizagem, Design e Tecnologia pela Escola de Educação da Universidade de Stanford.

Cassia Fernandez

Cassia Fernandez é aluna de doutorado no departamento de sistemas eletrônicos da Universidade de São Paulo e research fellow no Transformative Learning Technologies Lab  da Universidade de Columbia. Sua pesquisa se concentra na investigação de ferramentas e abordagens para conectar programação ao aprendizado de ciências na educação básica, e em estratégias para o desenvolvimento profissional de professores. Cassia é bacharel em física e mestre em engenharia elétrica pela Universidade de São Paulo.

Tatiana Hochgreb

Tatiana Hochgreb-Hägele é senior fellow no Centro Lemann da Escola de Educação da Stanford University, e senior research fellow no Transformative Learning Technologies Lab da Columbia University. Tatiana é uma cientista e pesquisadora e tem interesse no desenvolvimento de estratégias para o desenvolvimento professional de professores de ciências, com um interesse particular em como conectar e apoiar a formação de cientistas que se interessam por educação com o ensino moderno de ciências, a fim de que possam realmente ajudar os alunos a aprenderem melhor. Tatiana é cientista pelo curso de Ciências Moleculares da USP e doutora em Biologia Celular e do Desenvolvimento pelo InCor/ICB-USP. Foi pesquisadora de pós-doutorado na Caltech e na UCSF, e pesquisadora visitante na Universidade de Oxford. Recebeu o Pew Latin American Fellowship in Biomedical Sciences, da Pew Foundation.

A Coordenação do Ciências da Aprendizagem Brasil é feita pelo

Nossos pesquisadores são afiliados a universidades e centros de pesquisa no Brasil e no exterior:

ddbbed13fd7874e79a75e931f34d7253.jpg
columbia-university-logo-6.jpg
98cf7d6d899badc5d9752a12d6e97209.png